Araucária e Seti assinam Acordo de Cooperação Científica, Tecnológica, de Inovação e Empreendedorismo com instituições da Califórnia
12/11/2021 - 22:38

Com o objetivo de apoiar a modernização e inovação do agronegócio paranaense, envolvendo os ecossistemas regionais de C,T & I do Oeste e do Norte do Estado com renomadas instituições da Califórnia, a Fundação Araucária e a Superintendência da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti) assinaram, nos últimos dias, um Acordo de Cooperação Científica, Tecnológica, de Inovação e Empreendedorismo com a California State University (CSU) - Jordan College of Agricultural Sciences and Technology (Fresno).

“Esse Acordo fará com que sejam implementados projetos conjuntos de investigação e inovação sobre temas de interesse comum; intercâmbio de conhecimentos e resultados e organização de missões internacionais e bilaterais. Essas ações fortalecerão a cooperação e implantação de iniciativas, envolvendo professores, alunos e empresários dos dois países”, ressaltou o presidente da Fundação Araucária, Ramiro Wahrhaftig.

A assinatura foi realizada por meio de uma cerimônia online e está disponível no canal da Fundação Araucária no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=xXJ50I61p4s

“O apoio de ações voltadas ao desenvolvimento de modelo de negócios, de tecnologia, de mercado e acesso a financiamentos e infraestrutura para incubação e aceleração de startups também faz parte do Acordo de Cooperação firmado com a Fresno. É uma forma de contribuir ainda mais com o crescimento do Paraná por meio da Ciência, Tecnologia e Inovação”, afirmou o diretor científico, tecnológico e de Inovação da Fundação Araucária, Luiz Márcio Spinosa.

A organização de seminários científicos e tecnológicos, workshops especializados, simpósios e outras reuniões científicas de mútuo interesse para a cooperação; e o acesso à pesquisa de ponta na agricultura tropical (o Brasil é líder mundial), em um primeiro momento, e mundial em um segundo momento são iniciativas que também fazem parte da cooperação entre o Paraná e a Califórnia.

“É com muita satisfação que estou participando da assinatura dessa parceria entre a Fundação Araucária e a Fresno, pois são duas instituições reconhecidas pelo trabalho que exercem e que farão, a partir do acordo estabelecido, com que o desenvolvimento das áreas especificadas seja promovido cada vez mais”, disse o cônsul - geral do Brasil em São Francisco, Adalnio Senna Ganem.

As áreas que serão focadas no Acordo em um primeiro momento serão: Agricultura, Agronegócio, Desenvolvimento Sustentável e Transformação Digital.

“É extremamente importante promover a cooperação científica e tecnológica entre a CSU Fresno e o Paraná, pois nos traz o compromisso de fortalecer essa parceria na base da igualdade e do benefício mútuo. Com isso, torna-se fundamental o fortalecimento dos vínculos existentes entre as comunidades científicas e empresariais de ambos os países, bem como a promoção de novas formas de colaboração entre instituições de pesquisa e startups”, informou  o reitor do Jordan College of Agricultural Sciences and Technology, CSU Fresno, Dennis Nef.

As seguintes autoridades também participaram da solenidade online de assinatura do Acordo de Cooperação entre os dois países: vice-presidente assistente de assuntos internacionais - Sarah Lam; professor e presidente do Departamento de Negócios Agrícolas -  Srini Konduru; presidente do CNPq - Evaldo Vilela; professor - Tsen Chung Kang (Vale do Genoma);chefe de transferência de tecnologias da Embrapa Soja - Carina Rufino;diretora de planejamento &  integração acadêmica da UEL  e assessora de relações institucionais da Fundação Araucária - Cristiane Cordeiro Nascimento;diretor de inovação da SRP e coordenador da Agro Valley - George Hirawa; diretor de pós-graduação da Unioeste - Jerry Adriani Johann; diretor de relações interinstitucionais da UTFPR - Paulo Cezar Stadzisz, reitor da Unioeste – Alexandre Webber, secretário de governo da Prefeitura de Londrina – Alex Canziani e demais representantes da UEL, UTFPR, Unila e Unioeste.

“Este evento formaliza não só a assinatura do Acordo de Cooperação, mas o início da troca de informações e experiências em relação ao que o nosso Estado vem desenvolvendo em termos de pesquisa e inovação na área do Agronegócio, visto que são inúmeras as iniciativas que podemos nos fortalecer ao trabalharmos juntos”, salientou a chefe da coordenadoria de Ensino Superior da Seti, Gisele Onuki, que também representou o Superintendente da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior  - Aldo Bona.

GALERIA DE IMAGENS

Últimas Notícias