Fundação Araucária

18/03/2020

Araucária e Biopark lançam Programa de Pesquisa e Inovação

A Fundação Araucária em parceria com a Associação de Ensino, Pesquisa e Extensão –  Biopark lançou o Programa de Pesquisa e Inovação Doutores Empreendedores. O objetivo é incentivar a articulação entre instituições de ensino superior, institutos de pesquisa e o Biopark, oportunizando parcerias na atração e retenção de novos negócios bem como na qualificação e formação de futuros profissionais. Serão investidos nesta chamada R$ 500 mil, sendo R$ 250 mil da Araucária e R$ 250 mil do Biopark.

A iniciativa incorpora a construção estrutural dos Novos Arranjos de Pesquisa e Inovação no Paraná (NAPI) motivando uma articulação mais intensa dos atores do Sistema Regional de Inovação do Paraná e a mobilização dos ativos reunidos no estado em torno dos desafios ligados ao desenvolvimento da região. 

“Esta parceria é mais uma ação estratégica para consolidação do Ecossistema Oeste de Inovação. O programa busca atender as questões de biotecnologia e transformação digital, em áreas escolhidas pelo Biopark para o desenvolvimento da pesquisa e inovação”, reforçou o diretor de Ciência, Tecnologia e Inovação da Araucária Luiz Márcio Spinosa. 

O programa tem sete linhas temáticas: Pesquisa e desenvolvimento de métodos analíticos; Pesquisa e desenvolvimento de produtos Biotecnológicos; Pesquisa e Desenvolvimento de soluções para melhoria da administração de medicamentos; Produtos inovadores para saúde humana; Ciência de dados; Inteligência Artificial e Internet das coisas. 

“Queremos atrair mais empresas para o Biopark para a geração de mais empregos. Mas só conseguiremos atrair o setor produtivo à medida que tenhamos mão de obra qualificada, por isso é fundamental termos uma academia forte. Nosso grande diferencial é o ensino, que se tornou o coração do Biopark”, afirmou o fundador e presidente do Biopark, Luiz Donaduzzi. 

Ele destacou ainda que “quando aplicamos recurso em inovação o retorno é muito rápido e quando investimos no desenvolvimento de pessoas o retorno é mais rápido ainda. Esta chamada é um projeto piloto para uma ação maior futuramente.” 

Serão financiadas bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado. Os valores variam de R$ 1,8 mil a R$ 5,8 mil, dependendo do nível de formação. As propostas devem ser enviadas até o dia 17 de abril, por meio da Plataforma de Operação de Projetos Públicos (Sparkx), disponível no site www.fappr.pr.gov.br. O resultado final deve ser divulgado a partir do dia 15 de junho. 

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.