Fundação Araucária

01/09/2017

Apex-Brasil promove Primeira Ação de Exportação em Curitiba

A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), em parceria com a Fundação Araucária, promoveu, nesta quinta-feira (31), a Primeira Ação de Exportação em Curitiba. O objetivo do evento é de possibilitar às empresas selecionadas uma primeira oportunidade de participar de rodadas de negócios e aplicar o que foi trabalhado durante o atendimento pelo Programa de Qualificação para Exportação (PEIEX).

A rodada de negócios reuniu mais de 70 empresas pertencentes aos Núcleos do PEIEX de Curitiba e de Ponta Grossa, dos setores de casa e construção, moda e alimentos e bebidas com comerciais exportadoras — que comercializam produtos brasileiros em mercados externos. A Primeira Ação de Exportação é a última etapa do PEIEX, da qual podem participar as empresas atendidas e qualificadas pelo programa. Para a maioria dos participantes, essa será a primeira experiência de negociação internacional. Esta ação contou com a participação de oito comerciais exportadoras e com o apoio dos seguintes parceiros: Correios; SEBRAE; SENAI; Banco do Brasil; Centro Internacional de Negócios da FIEP – PR e Centro Brasil Design.

“É a décima primeira ação de exportação realizada pela Apex no Brasil inteiro. E o Paraná foi o estado que reuniu mais empresários, mais de 70, sendo que nos outros estados a média foi de 30 empresas. Este dado comprova o grande potencial que o estado possui para exportação e o trabalho impecável que nossos consultores dos núcleos do PEIEX – PR têm realizado”, afirmou o diretor administrativo e financeiro da Fundação Araucária e também coordenador estadual do PEIEX, José Carlos Gehr.  O evento também contou com a organização e participação das coordenadoras dos Núcleos do PEIEX de Curitiba e de Ponta Grossa - Luciana Andreguetto e Bruna Roldão, respectivamente.

O evento consiste numa rodada de negócios com comerciais exportadoras brasileiras selecionadas, oportunidade em que as empresas atendidas pelo PEIEX mostraram sua capacidade de negociação, testaram o nível de aceitação de seus produtos/serviços e tiveram a oportunidade de validar o preço, a embalagem e os materiais de comunicação desenvolvidos para exportação, entre outras coisas.

“Após passar por pelo PEIEX, as empresas estão capacitadas para exportar, mas ainda assim faltava uma primeira experiência para entender a dinâmica do mercado externo. Mesmo preparadas, elas ainda não se sentiam seguras para participar das diversas missões comerciais que a Apex-Brasil realiza ao longo do ano. O Primeira Ação de Exportação foi criado para que os empreendedores possam ver na prática o funcionamento de uma operação de exportação”, explicou a analista da Apex – Brasil e responsável pelo Projeto “Primeira Ação de Exportação”, Esther Pires.

Sobre o PEIEX

O Programa de Qualificação para Exportação (PEIEX) é um projeto da Apex-Brasil que prepara as empresas para o comércio internacional por meio de diagnóstico e acompanhamento, oficinas de capacitação em exportação, e implantação de soluções gerenciais. O programa inclui atendimento personalizado e prepara as empresas para participarem das ações de promoção comercial da Apex-Brasil e para atuar no comércio internacional. Desde sua criação, em 2009, já foram atendidas cerca de 16 mil empresas no Brasil. 

 

Os técnicos que prestam atendimento às empresas são especialistas com formação superior e pós-graduados que assessoram nas fases de diagnóstico, implementação de melhorias e avaliação. A elaboração de cada diagnóstico leva de dois a três meses por empresa, e estas continuam tendo acompanhamento durante a implantação das melhorias, que podem variar desde soluções gerenciais internas a ações externas relativas ao acesso a novos mercados e adequação de produto.

A Apex-Brasil tem, hoje, núcleos do PEIEX localizados em Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Pará, Paraná, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo. O projeto Primeira Ação de Exportação vai acontecer em todos os Núcleos Operacionais do PEIEX.

Sobre a Apex-Brasil

A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira.

A Agência realiza ações diversificadas de promoção comercial, que visam promover as exportações e valorizar os produtos e serviços brasileiros no exterior, como missões prospectivas e comerciais, rodadas de negócios, apoio à participação de empresas brasileiras em grandes feiras internacionais, visitas de compradores estrangeiros e formadores de opinião para conhecer a estrutura produtiva brasileira, entre outras plataformas de negócios que também têm por objetivo fortalecer a marca Brasil.

 A Apex-Brasil coordena os esforços de atração de investimentos estrangeiros diretos (IED) para o Brasil com foco em setores estratégicos para o desenvolvimento da competitividade das empresas brasileiras e do país.

Empresários participantes:

A empresa Beija Flor, de confecção de cortinas de tecidos em renda Jacquard , recebe consultoria do Núcleo do PEIEX de Curitiba há um ano e entende este trabalho como um grande meio de se adquirir conhecimento. “Já adequamos o nosso site e as nossas embalagens para o mercado externo e também já participamos de uma missão realizada na Bolívia. Estamos aproveitando para tomar conhecimento das oportunidades de negócios que poderemos fechar”, assinalou a proprietária da empresa, Lilian Rosemari Rosa.

Gunar Neiverth, proprietário de uma empresa de chá-mate está recebendo consultoria do Núcleo do PEIEX de Ponta Grossa há cinco meses. “Acho este trabalho do PEIEX extremamente importante, pois nos fornece um caminho para identificarmos o que temos de melhor nos nossos produtos e para nos transformarmos em potenciais exportadores”, destacou Gunar.

Há 45 anos no mercado do Paraná e há três anos produzindo novas linhas de produto, tendo como objetivo abertura total com o mercado internacional, a indústria de papelão Horlle também participou da Primeira Ação Exportadora da Apex – Brasil. “Contamos com a consultoria do Núcleo do PEIEX  de Curitiba há três meses e já conseguimos enxergar novos horizontes para expansão da exportação de nossos produtos”, afirmou o proprietário da empresa, Mílton Horlle.

 

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.