Fundação Araucária

01/09/2017

Cresce o número de cursos das universidades estaduais com nota máxima no Guia do Estudante

Subiu para dezesseis o número de cursos das universidades estaduais que receberam a nota máxima (5 estrelas) e 140 são considerados muito bons (4 estrelas) na avaliação do Guia do Estudante (GE), da editora Abril de 2017, que circulará nas bancas de todo país a partir de 16 de outubro. Quatro das sete universidades estaduais obtiveram nota máxima: a Estadual de Londrina (UEL), de Maringá (UEM), do Oeste do Paraná (Unioeste) e de Ponta Grossa (UEPG).

Em 2016, foram dez cursos com nota máxima e 94 considerados muito bons nas sete instituições. A publicação é considerada referência para vestibulandos, que utilizam o ranking como uma das fontes para escolha de curso e universidade.

“Essas avaliações comprovam o avanço na qualidade dos cursos ofertados nas universidades estaduais. Um mérito de toda a comunidade acadêmica, dos nossos professores e também dos investimentos constantes em infraestrutura feitos pelo Governo do Estado para garantir o melhor desempenho das atividades desenvolvidas diariamente”, ressaltou o secretário da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Carlos Gomes.

A novidade nesta edição é a inclusão dos cursos de Licenciatura, que anteriormente não eram avaliados. Com isso, quatro cursos de graduação entram pela primeira vez no Guia do Estudantes. O curso de Pedagogia era a única licenciatura avaliada pelo GE.

Além da avaliação de instituições de ensino superior públicas e privadas do país, a edição traz dicas e informações sobre profissões. O Guia não trabalha com os padrões de avaliação oficiais utilizados pelo Ministério da Educação (MEC) mas é uma das publicações mais conceituadas do país, editada há mais de 20 anos pela Editora Abril, com dados obtidos junto às coordenações de mais de 30 mil cursos de instituições públicas e particulares.

A avaliação consiste numa pesquisa de opinião, conduzida por equipe de jornalistas e pareceristas. São os pareceristas que emitem os conceitos que, ao final do processo, permitem classificar os cursos em excelente (5 estrelas), muito bom (4 estrelas), bom (3 estrelas), regular (2 estrelas) e ruim (1 estrela). São considerados estrelados os cursos com 3 ou mais estrelas.


UEL - Cinco cursos de graduação da UEL foram avaliados com 5 estrelas, nota máxima, no Guia do Estudante 2017 - Ciências Biológicas (bacharelado), Educação Física (bacharelado), Letras (licenciatura), Pedagogia e Psicologia. Além dos cinco com nota máxima, a universidade teve 35 graduações consideradas 4 estrelas e outras oito conquistaram 3 estrelas.

“A universidade continua com os cursos bem avaliados no Guia do Estudante. Ressaltamos o curso de Pedagogia que permanece com nota 5, curso de Letras, que primeira vez avaliado, obteve nota máxima, além dos cursos de Ciências Biológicas bacharelado, Educação Física bacharelado, e Psicologia, que aumentaram a nota em relação ao ano anterior. Nós entendemos que a universidade como um todo, nas avaliações internas e em outros rankings, vem consolidando seus cursos e caminhando na excelência para a formação dos estudantes”, afirmou a diretora de Avaliação e Acompanhamento Institucional da Pró-reitoria de Planejamento, Sandra Regina de Oliveira Garcia.

UEM – A UEM teve cinco cursos de graduação com o conceito máximo 5, ante os três cursos melhores avaliados na edição do ano passado. Os cursos com nota máxima neste ano são os de Educação Física, Geografia, Letras, Psicologia e Zootecnia, todos do câmpus Maringá. Foram 33 cursos com nota 4 e 21 com nota 3.


UEPG - Três cursos da UEPG foram classificados com 5 estrelas no guia. Receberam a maior avaliação os cursos de licenciatura em Ciências Biológicas, em Letras e em História. De 34 graduações avaliadas, a UEPG ainda registrou 20 cursos com 4 estrelas e 11 cursos com 3 estrelas.


Unioeste – Na Unioeste foram três cursos com nota máxima. São eles: Pedagogia (Cascavel), História/Licenciatura (Marechal Cândido Rondon) e Secretariado Executivo (Toledo). Foram 24 com desempenho muito bom e 24 com nota 3.

Unicentro – Na Universidade Estadual do Centro-Oeste 45 cursos receberam estrelas. Foram 19 com nota 4 e 26 com nota 3.

Unespar – A Universidade Estadual do Paraná teve 33 cursos estrelados em todos os campi da instituição. Foram 5 com 4 estrelas e 28 com 3. No câmpus de Paranaguá, todos os oito cursos ofertados obtiveram estrelas.


UENP – A Universidade Estadual do Norte do Paraná teve 19 cursos estrelados pelo Guia do Estudante. Cinco cursos alcançaram 4 estrelas e 14 obtiveram 3.




Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.