Fundação Araucária

16/02/2017

193 pesquisadores paranaenses são selecionados na Chamada Pública referente ao Programa de Bolsas Produtividade do CNPq

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) divulgou, nos últimos dias, o resultado da chamada pública referente às bolsas de Produtividade. No Paraná, 193 pesquisadores foram selecionados para receber a bolsa produtividade referente à chamada deste ano, eles são professores de universidades estaduais, federais e privadas do Estado.

Este edital tem como objetivo financiar bolsas de produtividade a pesquisadores de alta produtividade e de reconhecida liderança na sua área, que sejam responsáveis por redes ou projetos de pesquisa de alta relevância para a política de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado.  As bolsas foram distribuídas entre 11 pesquisadores nível 1A; dois pesquisadores nível 1B; três pesquisadores nível 1C; 16 pesquisadores nível 1D e 161 pesquisadores nível 2.

Este Programa de Bolsas também tem como objetivo promover condições estimulantes ao desenvolvimento de pesquisa por grupos de pesquisa vinculados aos cursos e programas de pós-graduação stricto sensu do Estado, e incentivar atividades de desenvolvimento tecnológico de interesse da região, que apresentem perspectivas de promover avanços tecnológicos ou que sejam de alta relevância social.

“Este apoio financeiro é extremamente importante para a evolução da pesquisa no Estado e no País. Parabenizo a todos os paranaenses que foram selecionados, o número de aprovados demonstra o grande potencial de desenvolvimento que o Paraná possui nas áreas de ciência, tecnologia e inovação”, disse o presidente da Fundação Araucária, Paulo Brofman.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.